.posts recentes

. Prisão preventiva... a sé...

. Com ou sem futuro???'

. Nós podemos, ou melhor......

. Vendavais e outros mais

. Como um rio

. Mergulhar

. A imagem refletida

. A Beleza em Portugal

. ...

. ...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

Terça-feira, 11 de Novembro de 2008

Contratos e período experimental?

Estou preocupadíssima com esta nova relação trabalhador - estado, como é que isto fica?

Cada vez vemos os nossos direitos menos assegurados e esta agora????

Novo vínculo ao Estado

Em Dezembro serão feitas listas a clarificar a mudança na carreira.

Margarida Peixoto

Os serviços do Estado terão de clarificar, a partir de Dezembro, qual o novo vínculo de relação pública dos seus trabalhadores que entrará em vigor a 1 de Janeiro de 2009. Todos os serviços da função pública, bem como as empresas públicas empresariais, terão de publicar uma lista nominativa dos seus trabalhadores, onde se esclarece qual o seu vínculo jurídico a partir de dia 1 de Janeiro de 2009. A disposição foi estabelecida por uma circular da DGAEP, divulgada ontem.

O formulário, que deverá ser preenchido por todos os serviços e aprovado pelo seu dirigente máximo, será disponibilizado no próximo mês, no site da DGAEP. Cada um dos funcionários públicos será notificado da alteração de vínculo, mas a maioria passa para o contrato de trabalho em funções públicas. As situações que poderão suscitar dúvidas serão aquelas em que os funcionários estão em contrato administrativo de provimento. Nestes casos, será definido pelo serviço se passam para uma relação de trabalho por tempo indeterminado (em período experimental), ou se ficam em contrato a termo certo ou incerto, conforme a duração previsível do contrato. Nestas lista devem constar todos os trabalhadores de cada serviço, mesmo que não estejam actualmente a prestar funções naquele serviço. 

----------------------------------------------------------

 

OK, cada vez que o patrão se aborrecer connosco ameaça-nos com a rua? Ou trabalham até acabar o período experimental? Ou ainda para evitar o vínculo contratual vão fazendo contratos até não poderem mais!!!!

É assim que querem acabar com o desemprego?

Ou estão apenas a iludir as Estatísticas?

 

Paisagemviva


publicado por paisagemviva2 às 09:35

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

.favorito

. Silêncio de Ouro...

. Vejam lá se não bate cert...

. Coisas da idade

. Sexo virtual a troco de c...

. Pré-adolescência

. ...

. Depois somos nós os chato...

.links

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds