.posts recentes

. Prisão preventiva... a sé...

. Com ou sem futuro???'

. Nós podemos, ou melhor......

. Vendavais e outros mais

. Como um rio

. Mergulhar

. A imagem refletida

. A Beleza em Portugal

. ...

. ...

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Novembro 2011

. Setembro 2010

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

Quinta-feira, 31 de Julho de 2008

56 mil milhões :(

56 mil milhões de euros para obras em 10 anos

 

O número é, por si só, significativo: 43 mil milhões de euros em investimentos anunciados e projectados pelo actual Governo para a próxima década - um valor que sobe para 56 mil milhões se acrescentarmos projectos maioritariamente privados de reabilitação urbana, turismo e centros comerciais.

O plano de Sócrates é que, juntos, todos estes investimentos possam dar um impulso decisivo à economia portuguesa.

A estimativa da FEPICOP (a federação de empresas de obras públicas que elaborou um documento orientador, com informações do próprio Executivo) aponta para um impulso ao crescimento "na ordem dos 3,5 pontos percentuais do PIB, nos próximos nove anos". Isto, claro, "a concretizar-se o plano", afirma o documento, a que o JN teve acesso.

Mas o plano de investimentos não é consensual. Por causa da crise internacional, mas também pelos custos que comporta para o Estado. Ontem mesmo, o Jornal de Negócios dava conta das dificuldades de várias empresas em concorrer ao chamado "pacote das estradas" devido a objecções levantadas pelos bancos.

A isto, acrescem as dúvidas de muitos economistas e políticos sobre a eficácia dos projectos em estimular a economia. A nova líder do PSD, Manuela Ferreira Leite, relançou o debate no encerramento do congresso do seu partido: "Não é por esta via que o país se desenvolverá, que se criarão empregos ou que a economia vai prosperar", apontou.

 

Mais aqui:

http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Nacional/Interior.aspx?content_id=973590

 

 

Serão obras no ENSINO, na SAÚDE...     ????????????

Paisagemviva

 


publicado por paisagemviva2 às 08:57

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.tags

. todas as tags

.favorito

. Silêncio de Ouro...

. Vejam lá se não bate cert...

. Coisas da idade

. Sexo virtual a troco de c...

. Pré-adolescência

. ...

. Depois somos nós os chato...

.links

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds